Etapa Porto Maravilha, última do ano do ano do Circuito Rio Antigo, em 9 de dezembro, está com inscrições abertas

Corredores cruzam o Túnel Rio450 durante etapa do Circuito Rio Antigo. Foto de divulgação
Corredores cruzam o Túnel Rio450 durante etapa do Circuito Rio Antigo. Foto de divulgação

Depois de passar pela Lapa, pela Quinta da Boa Vista e pela Cinelândia, o Circuito Rio Antigo chega à última etapa em 2018 com as tradicionais distâncias de 5km para corrida e caminhada e 10km para corrida no Porto Maravilha, no Rio de Janeiro, com largada na Praça Mauá, às 8h. Quem correu as três etapas anteriores terá a chance de completar a Mandala de Medalhas, umas das novidades do Circuito Rio Antigo para este ano. As inscrições estão abertas no site.

Os corredores irão passar por ruas cheias de história, fazendo da corrida um verdadeiro passeio cultural. Fernando Pessoa é corredor e professor de geografia do CEFET e vê na prova uma oportunidade única de entender por outro ângulo o que mudou na Zona Portuária depois das recentes obras de revitalização do espaço.

“A Zona Portuária, nos arredores da Praça Mauá, é uma área extremamente representativa e recheada de história, dividida entre a tradição e a modernidade. Desde a Pedra do Sal, núcleo simbólico da região chamada de Pequena África e de especial importância para os amantes do samba, até o imponente Museu do Amanhã, que promove os valores da sustentabilidade”.

Virgílio de Castilho, da De Castilho Sports, organizadora do Circuito Rio Antigo, tem um carinho especial pela Etapa Porto Maravilha.

“Podemos dizer que encerramos as Etapas do Circuito, este ano, com uma Mandala de Ouro. Ter todo este ambiente histórico envolvendo o evento e ainda como testemunhas os monumentos históricos tombados e os atuais modernos ao longo do percurso é realmente fantástico. A Etapa Porto Maravilha fecha o nosso calendário e convida todos os atletas para novas emoções em 2019”, afirma Virgílio de Castilho, lembrando que o percurso passa por vias importantes da região e equipamentos como o Museu do Amanhã, o Museu de Arte do Rio e o Túnel Rio450.

COMPARTILHE
Sobre Iúri Totti 966 Artigos
Iúri Totti é jornalista, com mais de 30 anos de experiência na grande imprensa, principalmente na área de esportes. Foi o criador das sessões “Pulso” e “Radicais” no jornal O Globo. Tem 13 maratonas, mais de 50 meias maratonas e dezenas de provas em distâncias menores. "Não me importo em ser rápido. A corrida só precisa fazer sentido, dar prazer."

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*