Volta da Pampulha 2019: vitórias do Brasil e do Quênia

Largada da Volta da Pampulha 2019
Largada da Volta da Pampulha 2019

Campeão nos 10 mil metros rasos nos Jogos Pan-Americanos de Lima, em agosto, Ederson Vilela Pereira venceu, neste domingo (8/12), os 18km da Volta da Pampulha 2019, em Belo Horizonte, com o tempo de 56m19s.  No feminino, a vitória foi da queniana Janet Masai, com 1h05m10s.

– Sofri no percurso inteiro por causa da umidade. No Km 5, eu não estava nem na zona do pódio, mas me senti bem para apertar o ritmo e vi que estava mais rápido do que quem ia à frente -, afirmou o paulista campeão, de 29 anos, que sentiu o desgaste com as condições do tempo. – Estou muito feliz por vencer uma prova tradicional como essa, em um ano que para mim está sendo especial.

Campeão da Volta da Pampulha 2019 surpreende no final

A alta umidade foi um fator determinante para o desempenho dos atletas. Ederson optou por um ritmo conservador nos primeiros quilômetros. Inicialmente o hexacampeão Giovani dos Santos, Marcos Fernandes da Cruz, o ugandense Stephan Mande e o queniano Micah Lokai puxaram o pelotão de elite. Na metade da prova, Giovani, Stephan e Marcos se distanciaram. O sonho do mineiro de Natércia chegar à sétima conquista na Pampulha acabou em lágrimas no Km 12. Giovani sentiu a panturrilha esquerda e foi obrigado a abandonar. A essa altura, Ederson atacava para, no penúltimo quilômetro, superar Stephan com passadas decididas e cruzar a linha em 56m19s.

Ederson Pereira comemora sua vitória na Volta da Pampulha 2019, com 56m19s
Ederson Pereira comemora sua vitória na Volta da Pampulha 2019, com 56m19s

No feminino, a também mineira Tatiele Roberta de Carvalho tentou acompanhar Janet e a também queniana Emily Chebet. A disputa pela vitória ficou, no entanto, entre as africanas; com Janet levando a melhor, em 1h05m10s.

– No ano passado havia terminado em terceiro lugar e já conhecia bem o circuito. Sabia da subida no fim e que teria de guardar força para atacá-la. E a umidade tornou as coisas mais difíceis”, disse a campeã, de 27 anos.

Resultados

Masculino: 1) Ederson Vilela Pereira (Brasil), 56m19s; 2) Stephen Mande (Uganda), em 56m24s; 3) Marcos Fernandes da Cruz (Brasil), em 56m51s; 4) Gilberto Silvestre Lopes (Brasil), em 57m29s; e 5) Micah Lokai Manimam (Quênia), em 58m18s.

Feminino: 1) Janet Cheruto Masai (Quênia), em 1h05m10s; 2) Emily Chebet (Quênia), em 1h05m22s; 3) Tatiele Roberta de Carvalho (Brasil), em 1h05m36s; 4) Monica Cheruto (Quênia), em 1h09m30s;  e 5) Adriana Domingos da Silva (Brasil), em 1h10m21s.

COMPARTILHE
Sobre Iúri Totti 1009 Artigos
Iúri Totti é jornalista, com mais de 30 anos de experiência na grande imprensa, principalmente na área de esportes. Foi o criador das sessões “Pulso” e “Radicais” no jornal O Globo. Tem 13 maratonas, mais de 50 meias maratonas e dezenas de provas em distâncias menores. "Não me importo em ser rápido. A corrida só precisa fazer sentido, dar prazer."

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*