Rio do Rastro Marathon tem seus primeiros campeões

Alan Frank é o primeiro campeãos dos 42km da Rio do Rastro Marathon. (Foco Radical/Divulgação)
Alan Frank é o primeiro campeãos dos 42km da Rio do Rastro Marathon. (Foco Radical/Divulgação)

Em sua estreia no calendário brasileiro, a Rio do Rastro Marathon, disputada no último sábado (2) e domingo (3), reuniu cerca de 1.500 competidores entre corredores e ciclistas. Os atletas enfrentaram as 284 curvas da Serra do Rio do Rastro, em Santa Catarina, nas provas de 25km e 42km de corrida e 40km de ciclismo.

A prova dos 25km teve como seu primeiro campeão Vinícius Bernardon. Depois de largar em Lauro Müller, ele chegou em Bom Jardim da Serra após 1h53m12s. Em segundo lugar ficou Felipe Costa da Silva, com 1h53m54s, seguido por Ojanio dos Santos, com 1h54m12s.

“Eu larguei consciente que a serra seria difícil e pensei em todos que me apoiaram, minha equipe, minha esposa e meu grande parceiro do dia, meu pai. Eu pedi pra Santa me trazer até aqui, e ela me trouxe com segurança e força, mas eu não esperava fazer esse tempo. Essa serra tem algo especial pra mim”, falou emocionado Bernaron, de Passo Fundo (RS), que, no dia seguinte, foi terceiro colocado nos 42km.

Letícia Saltori vence os 25km

No feminino, a campeã foi Letícia Saltori, de Curitiba, com com 2h16m43s. A segunda colocada foi Tatiane Gomes Marcos, com 2h24m02s, e, em terceiro, Angelina das Graças, com 2h26m14s.

“Nossa, foi osso”, disse sorrindo a campeã ao cruzar o pórtico da Rio do Rastro Marathon. “A serra estava linda, valeu a pena cada km, e ser recebida com sol é bom demais, e também com essa torcida né? Aqui não tem como não se apaixonar. É um misto de amor e ódio, mas a gente se apaixona e no final quer casar com ela”. A também treinadora contou ainda que conseguiu manter o ritmo do início ao fim sem precisar caminhar. “Quem já passou pela serra, seja de carro, correndo ou pedalando sabe que não é fácil. A gente não pode ir contra a natureza e se ela permitir, tá permitido, e hoje ela permitiu”.

Vencedor dos 42km da Rio do Rastro Marathon fechou em 3h09m55s

No domingo, foi a vez dos 450 atletas dos 42km. A prova começou em frente ao Paredão de Orleans, e assim, como nos 25km, teve um minuto de silêncio às vitimas da Covid-19. Com 3h09m55s, o curitibano Alan Frank Almeida Rosa foi o campeão dos 42km. Em segundo lugar, com 3h18m06s, ficou Nilson Rodrigo e, em terceiro, Vinícius Bernardon, com 3h20m11s.

“A serra é mística, um percurso que te suga fisicamente. Aquela natureza você não consegue contemplar muito, mas você vai sentindo uma atmosfera tão diferente, tão gostosa, que fica estimulado a fazer mais força e não se entregar. É um duelo particular entre o atleta e serra. Concluir a maratona mais difícil o Brasil foi uma vitória para cada um que esteve lá, e eu tive a felicidade de concluir e ser o campeão da prova. Prova que marca a minha vida”, disse Alan Frank, campeão dos 42km.

Juliana Stolarski Uavnizack é a melhor na maratona

Entre as mulheres, a primeira a completar a maratona foi Juliana Stolarski Uavnizack, de Orleans, com 4h23m41s. Ana Paula Martins ficou em segundo lugar, com 4h34m47s, e Fernanda Tomkiw, com 4h39m05s.

“Foi bem difícil, com bastante vento nos últimos 5km, o que era praticamente impossível de subir correndo, mas, com calma e paciência, eu consegui. Eu não esperava a vitória hoje. Estou muito feliz”, relatou a campeã dos 42km da Rio do Rastro Marathon.

As provas de ciclismo aconteceram no sábado, logo depois dos 25km de corrida. Os atletas também começaram o desafio no ponto turístico de Orleans. Nos 40km de estrada, os vencedores foram Inaiane Garcia, com 2h04m45s, e Alan Andrade Firmiano, com 1h38m15s. Já nos 40km de MTB, os campeões foram Fernando Luciano Vieira, de Lauro Müller, com 1h54m49s, e Belén Luz, com 2h03m51s.

Segunda edição da Rio do Rastro Marathon será em 14 e 15 de maio de 2022

Para a Corre Brasil e o Mountain Do, organizadoras da Rio do Rastro Marathon, os dois dias de provas foram a consagração de uma ideia que surgiu na metade de 2020, em plena pandemia. A segunda edição do evento já tem data marcada. Será nos dias 14 e 15 de maio de 2022.

“A frase pode até parecer clichê, mas ela é verdadeira. Nosso sentimento é de missão cumprida. Não temos dúvida que precisamos melhorar em alguns pontos, mas com feedback dos atletas, ou melhor, dos guardiões, conseguimos entregar um evento memorável e que veio para fazer história. Agora é a fase de analisar, ouvir novamente nosso cliente, a comunidade e, em 2022, fazer a Rio do Rastro Marathon ainda mais incrível. Fica nosso agradecimento a todos que confiaram em nós e saibam que nossa intenção é sempre proporcionar a melhor experiência. Agradecemos também aos nossos patrocinadores, apoiadores e a comunidade local que estiveram com a gente nesse evento”, afirma Mariana Neves, coordenadora de eventos da Corre Brasil.

COMPARTILHE
Sobre Iúri Totti 1136 Artigos
Iúri Totti é jornalista, com mais de 30 anos de experiência na grande imprensa, principalmente na área de esportes. Foi o criador das sessões “Pulso” e “Radicais” no jornal O Globo. Tem 13 maratonas, mais de 50 meias maratonas e dezenas de provas em distâncias menores. "Não me importo em ser rápido. A corrida só precisa fazer sentido, dar prazer."