Sul-Americano de Maratona terá Wellington Bezerra e Marily dos Santos

No Sul-Americano de Maratona. Wellington Bezerra da Silva vai para Assunção atrás do índice olímpico para as Olimpíadas (Divulgação)
No Sul-Americano de Maratona. Wellington Bezerra da Silva vai para Assunção atrás do índice olímpico para as Olimpíadas (Divulgação)

A Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) convocou nesta terça-feira (27/4) o pernambucano Wellington Bezerra da Silva (APA Petrolina) e a alagoana Marily dos Santos (Veteranos da Bahia) para representar o Brasil no Campeonato Sul-Americano de Maratona, marcado para domingo (2/5), em Assunção, Paraguai.

Wellington Bezerra, bicampeão do Ranking Caixa/CBAt de Corredores de Rua 2015/2016, bicampeão da Corrida Cidade de Aracaju 2016/2017, vice-campeão da Maratona do Rio de Janeiro e de São Paulo em 2018; representante do Brasil no Mundial de Atletismo de Doha-2019, nasceu 19 de junho de 1988 em Tupanatinga. Seu recorde pessoal na maratona é de 2h13m34s, alcançado em Hamburgo, na Alemanha, em 2019.

Tentativa de índice olímpico no Sul-Americano de Maratona

Campeão sul-americano de cross country de 2014, em Assunção, Wellington pretende correr de olho no índice olímpico de 2h11m30s, mas tem consciência de que será muito difícil. “Estou bem treinado e gostaria muito de ir a Tóquio. Sei que o percurso é plano, mas a cidade é quente. Era mais fácil tentar o índice na Europa. Queria ir para a Hamburgo, primeiro, e depois para Milão. A situação dos brasileiros para entrar na Europa não está nada fácil e por isso aceitei correr o Sul-Americano de Maratona”, disse o maratonista, que desde 29 de março é terceiro sargento da Aeronáutica.

Marily dos Santos vai representar o Brasil no Sul-Americano de Maratona.
(Foto de Wagner Carmo/CBAt)/Divulgação)

Já Marily representou o Brasil nos Jogos Olímpicos Rio-2016. Nascida a 5 de fevereiro de 1978, na cidade de Joaquim Gomes, ela está há muitos anos radicada em Salvador. Seu recorde pessoal nos 42,195 km é de 2h31:55, obtida em Pádova, na Itália, em 2012. Ela participou também dos Jogos Pan-Americanos de Toronto-2015, terminando na quarta colocação.

Além dos dois atletas, viajam para a capital paraguaia o treinador Marciano Pereira Barros (PE), a médica Denise Carpigiani Ribeiro (SP) e o fisioterapeuta Paulo Antônio Moreira Rezende (MG).

COMPARTILHE
Sobre Iúri Totti 1090 Artigos
Iúri Totti é jornalista, com mais de 30 anos de experiência na grande imprensa, principalmente na área de esportes. Foi o criador das sessões “Pulso” e “Radicais” no jornal O Globo. Tem 13 maratonas, mais de 50 meias maratonas e dezenas de provas em distâncias menores. "Não me importo em ser rápido. A corrida só precisa fazer sentido, dar prazer."